Medo da corrida: Como lidar?

medo_corrida_linha_chegadaQuem já participou de uma corrida (ou se prepara para participar), independente da quilometragem, já experimentou um pouquinho de medo. É claro que o medo aparece por motivos diferentes, de acordo com a história de vida pessoal, vou listar muitos dos que já ouvi: achar que não conseguirá cumprir, não terminar a prova, quebrar a perna, torcer o tornozelo, ser atropelado na largada, não atingir o tempo desejado e tantos outros que com certeza você poderia compartilhar.

Para ilustrar, vou me basear na Debs (www.blogdadebs.com), que topou participar desta matéria de uma forma diferente. Ela responderá algumas perguntas, eu farei alguns comentários técnicos sobre o impacto emocional que pode ter acontecido em sua psique, como os psicólogos chamam a mente humana, e, depois, darei algumas dicas sobre como lidar com o medo antes e durante a prova. Ah, os colchetes são comentários meus:

Zora: Debs, para começar, conta para nós quais tipos de sentimentos você tem quando se inscreve para uma corrida desafiadora?

Debs: Ansiedade, medo de não cumprir a meta, me cobro demais, sou muito competitiva, frio na barriga, sensação de desafio, felicidade! [aqui podemos notar um mix de sentimentos, muito comum e que você precisa perceber acontecendo dentro de si!]

Zora: E quando você começa a treinar e algo dá errado, como você se sente? O que você pensa?

Debs: Fico brava demais [tudo em excesso é perigoso, se você se sente assim também, controle-se!]. Como te disse me cobro muito e então quero que tudo saia conforme o planejado. Ao longo do meu treinamento para Berlim, aprendi que temos dias bons e ruins, que são influenciados por “n” fatores. O importante é que tenhamos mais bons que ruins. [aqui você já pode anotar como uma #atitudedodia especial!]

Zora: Na véspera da prova, no que você costuma pensar? Tudo dará certo ou errado?

Debs: Eu faço um preparo mental muito forte começando um mês antes da prova. Me visualizo chegando, o relógio oficial marcando o tempo que eu quero, eu correndo solta, feliz. Quando algum pensamento ruim vem, eu mando embora e ponho outro bom no lugar. Isso funciona. Muito! [outra #atitudedodia super legal para você praticar!]

Zora: Que tipos de medos você sente minutos antes do início da prova?

Debs: De querer parar p fazer xixi, porque sempre corro pra tempo, de “quebrar” no final, de não cumprir o planejado. [esse tipo de pensamento, pode ser chamado por crença limitadora, se você também sente, logo mais explico o que isso significa] 

Zora: Para finalizar, resume como você se sente pós prova?
Debs: Em uma palavra: plenitude!

Depois de conhecer como a Debs lida com o medo antes e durante a prova, vou contar para você o que nos faz ter medo diante de qualquer situação, inclusive das corridas: crença limitadora. De forma simples, crença limitadora é tudo aquilo que compromete nossa evolução e nosso crescimento, é aquela frase que acreditamos com tanta força que nos impede de ver outras alternativas para as soluções dos problemas.  Por exemplo: “não vou conseguir”, “eu sempre começo a ir mal no final da prova”, “não consigo controlar bem o tempo” e tantas outras.

Segundo Tim Hallbom, em seu livro “Crenças – caminhos para a saúde e o bem estar”, para quebrar e lidar com uma crença limitadora é preciso identificar de forma clara e específica:

Isso quer dizer que para lidar com seu medo antes da prova, é preciso fazer o exercício desses três passos acima e, depois disso, exercite #atitudedodia respondendo sobre sua crença limitadora:

  1. O quanto essa crença é real?
  2. O que prova que essa crença vale a pena?
  3. O que garante que isso aconteceria?
  4. Transforme sua crença limitadora em impulsionadora!

Fazer este exercício te ajudará a perceber o quanto você pode ser e fazer mais com sua mente em prol do seu crescimento. Além disso, crie sempre crenças que te impulsionem para a conquista. Para finalizar, vou compartilhar a crença que montei, baseada e contrariando alguns versos de Fernando Pessoa, em seu poema Tabacaria:

Quadro1 - Medo Corrida

Agora é com você! Boa corrida e vamos em busca junto da nossa palavra final… até a próxima!

Zora Viana
Psicóloga, Coach e Palestrante
CRP 06/113561
Mídias: @zoraviana | @atitudemocional
zoraviana@atitudemocional.com

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s