Carta de gratidão

Quem é mais velho sabe a alegria que é receber uma carta escrita à mão. Bem diferente dessa nova época digital, onde os emails e whats app dominam, há alguns anos atrás, a comunicação primordial era por carta ou telefone.

E, sinceramente, não tem nada mais gostoso do que receber uma carta escrita à mão. Não só pelo fato de ser escrita, mas pelo tempo que levou para a pessoa escolher um papel ( antigamente os papeis de carta eram febre!), para sentar e escrever, ou mesmo para fazer o rascunho e depois passar a limpo. Carta escrita remete à saudade, notícias, novidade, e tem ainda aquele “quê” de romantismo.

Por isso, o nosso desafio da semana é voltar àquela época e mandar algumas cartas escritas à mão. Mas não é uma simples carta para contar uma notícia. O desafio é escolher algumas pessoas que tenham feito por você algo muito importante e significativo e escrever para elas agradecendo.

A gratidão é um sentimento que normalmente não verbalizamos, não externalizamos para  a pessoa que nos fez algo relevante.Então esse é o objetivo da carta da gratidão.

Estudos da psicologia positiva comprovam como o exercício da carta da  gratidão pode afetar o nível de felicidade do ser humano. Foi constatado que é uma das ferramentas mais poderosas para aumentar o nível de felicidade, e, mais importante, é uma das que mantém o nível de felicidade elevado por mais tempo.

E como vamos fazer?

  1. Tire um tempo para você, num lugar calmo, onde você tenha certeza que não será incomodado. Feche os olhos e faça uma retrospectiva de fatos importantes e marcantes da sua vida. Quem eram as pessoas que estavam presentes nesses fatos? Quem foram aquelas que fizeram algo realmente relevante e que fez a diferença naquele momento da sua vida? Quando você pensa nessas pessoas você tem um sentimento de gratidão? Anote o nome dessas pessoas.
  2. Agora, pegue um papel e uma caneta e aproveite esse momento de lembranças, onde você resgatou esse sentimento de gratidão, e comece a escrever para cada uma dessas pessoas. Exponha seu sentimento, sua gratidão, diga a ela porque ela fez diferença na sua vida, concentre-se no SENTIMENTO.
  3. Depois da carta escrita, peça o endereço dela e coloque no correio.
  4. Depois disso, sinta, apenas sinta a forma como essa ação te deixou e permita que a outra pessoa também expresse os sentimentos dela, se ela quiser.

A ideia não é escrever pensando em receber algo em troca. A ideia é escrever para que você possa se nutrir desse sentimento tão maravilhoso que é expressar a gratidão por alguém.

Quem vem com a Escola nesse desafio? Contem para nós nos comentários como foi fazer esse exercício tão poderoso!

 

Déborah Aquino
Positive Coach e Escritora do livro Num Piscar de Olhos
Deborah@blogdadebs.com.br | 11 974430123
youtube.com/atitudemocional
http://www.facebook.com/escoladefelicidadeoficial
Instagram: @debsaquino / @escoladefelicidadeoficial

Proibida reprodução sem autorização legal do autor.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s