Vale a pena investir na poupança?

Muitos clientes que começam o processo de Coaching Financeiro com o objetivo de poupar e investir me perguntam: Vale a pena investir na poupança?

Vamos primeiro pensar nos benefícios que temos nela: é acessível, simples, você pode começar com qualquer valor, além de aplicar e resgatar a qualquer momento.

Mas isso a maioria já sabe, o que muitos não sabem é que a poupança, por ter todas essas qualidades acaba gerando retornos menores que outros tipos de investimentos.

É muito comum eu receber dos meus seguidores perguntas como: Onde é melhor investir 4 mil? Mas para essa pergunta existe uma série de respostas possíveis, antes é preciso considerar alguns fatores.

No mercado financeiro partimos da lógica que quanto maior o risco e menor a liquidez, maior o retorno. O que isso significa?

Na poupança, assim como em outros investimentos na renda fixa, o risco que você corre é se o banco quebrar. Existe um órgão chamado Fundo garantidor de crédito que garante a devolução caso o banco quebre até R$ 250.000,00 por CPF em cada instituição financeira. O que faz com que o Tesouro Direto seja ainda mais seguro, pois sua garantia é sem limite de valor.

Já em relação a liquidez, a poupança tem uma liquidez altíssima, isso significa que a qualquer momento você pode ter acesso a seu dinheiro. Digamos que você faça outro tipo de investimento em que o prazo para resgatar é de 5 anos, isso significa que ele tem uma menor liquidez, mas o seu retorno tende a ser maior.

Esclarecidas essas questões entenda em que situações vale a pena aceitar o retorno menor que obtemos na poupança:

Juntar dinheiro que vai usar no curtíssimo prazo, apesar de outros investimentos renderem mais, em alguns, inside a cobrança do Imposto de Renda e taxa de administração, que são cobradas em cima do retorno, dependendo do prazo que vai deixar esse dinheiro guardado vale mais a pena manter na poupança pois os retornos serão muito próximos. Parte da reserva de emergência, juntar dinheiro para comprar algo nos próximos meses, poupar valores menores até juntar o suficiente para começar a diversificar em outros investimentos, são alguns dos casos que vale mais a pena deixar o dinheiro na poupança.

Agora, se tem um tempo maior para deixar esse dinheiro poupado render, vale a pena entender um pouco mais outras opções que temos para investir na renda fixa, que são conservadores como a poupança, como um CDB, LCI/ LCA, fundos de investimento em renda fixa, Tesouro Direto, porem tendem a render mais. Mesmo com a queda na taxa SELIC, lembre-se que quando ela chega à 8,25% as regras da poupança mudam, a remuneração passa a ser 70% da SELIC + TR.

Quando se fala em investir não tem melhor ou pior, tudo vai depender dos seus objetivos.

Conheça o Coaching Financeiro.

Ana Cláudia Rodrigues
Coach de Finanças, Economista, Administradora e Palestrante.
Especialista em te ajudar a alcançar metas financeiras.
ana@atitudemocional.com | +55 11 974430123
YoutubeFacebookInstagramPeriscope e Linkedin

Proibida reprodução sem autorização legal do autor.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s