Fazer tudo por alguém é uma prova de amor?

Se você se torna muito disponível na relação, acreditando que para ser amado, tem que agradar o tempo todo, repense sua atitude. Não barganhe o amor alheio fazendo coisas que não gostaria de fazer, sendo quem você não gostaria de ser.

A disponibilidade excessiva em qualquer relação, é o caminho da submissão, da cobrança e da mágoa.

Se você oferece demais, espera muito; acaba indo além dos seus limites, exigindo muito de você mesmo e do outro. E assim, você desequilibra os seus relacionamentos.

Fazer tudo para quem você ama não é uma prova de amor, mas de controle e medo de perder, porque você acredita que quanto mais faz, mais “prende” a pessoa a você.

Quando você estraga seus relacionamentos com disponibilidade excessiva, poderá ser manipulado, decepcionado e ignorado, incentivando quem você ama, à acomodação e ausência de limites.

Amar é doação recíproca, é força que não controla, é energia que estimula o retorno da melhor parte de quem você ama, que volta espontaneamente em forma de carinho, atenção e atitudes luminosas.

Se você realmente ama, apenas cuide do seu amor. Simples assim!

Déborah Aquino
Positive Coach e Escritora do livro Num Piscar de Olhos
[email protected] | 11 974430123
youtube.com/atitudemocional
http://www.facebook.com/escoladefelicidadeoficial
Instagram: @debsaquino / @escoladefelicidadeoficial

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *